Entrar

Que gritaria

Fiquei impressionado com a reação das pessoas tanto nas redes sociais quanto por ligações recebidas em nossa redação com relação a ação ocorrida na semana passada a respeito de um trabalho desenvolvido pela fiscalização de trânsito. O intuito da operação (sem multar) era apenas coletar dados, conscientizar, alertar e orientar os motoristas quanto ao excesso de velocidade em algumas vias da cidade, para, à partir deste levantamento, implementar ações por mais segurança aos motoristas e pedestres.

E SE FOSSE PRA MULTAR?

Mas vale a pergunta: e se os fiscais estivessem ali para fiscalizar e identificar veículos roubados, furtados, clonados, em situação irregular, com o IPVA não pago ou outras restrições e até mesmo excesso de velocidade, não poderiam multar? E se entre os motoristas estivessem um ou mais foragidos da justiça?

Sportbook sites http://gbetting.co.uk/sport with register bonuses.