Entrar

Últimos detalhes para início das obras de tratamento de esgoto

O atraso do início das obras de execução das redes coletoras, ramais prediais e redes auxiliares da bacia 6 do Sistema de Esgotamento Sanitário vem causando apreensão aos campo-bonenses.

Anunciada em fevereiro de 2016, quando o prefeito ainda era Faisal Karam, a obra teve data de início marcada, porém não foi cumprida pela Companhia Riograndense de Saneamento (CORSAN). Neste ano, o Município e a estatal se reuniram novamente para alinhar os detalhes e planejar o início das obras. “Um dos motivos que acabou atrasando a previsão inicial das obras, foi um produto que não estava incluído no contrato que era a necessidade de colocar areia para proteger os canos das redes coletoras de possíveis materiais que pudessem danificar o mesmo. Outro motivo alegado tanto pela companhia, como a empresa responsável pela obra, foram as fortes chuvas que tem atingiram a nossa cidade, o que impediu a abertura das ruas, para a colocação dos canos”, explicou João Flávio da Rosa, Secretário Municipal do Meio Ambiente.

Porém, todos os problemas e contratempos que emperrou o início da obra já foram sanados. “Conversei nesta semana com os técnicos da CORSAN e também com a empresa responsável que irá executar a obra e me garantiram que não falta mais nada para iniciar os serviços e, se não voltar a chover, as obras iniciam ainda no decorrer dessa semana”, salientou João Flávio da Rosa, Secretário Municipal do Meio Ambiente.

A empresa que fará a obra é a Conster. O valor total do investimento é de R$ 7.535.148,56, divididos entre recursos municipais e da CORSAN. O prazo contratual é de 810 dias.

Em duas etapas

GCB WhatsApp Image 2017 03 28 at 14.27.57A obra de tratamento de esgoto será separada em duas etapas. “A primeira será a colocação das redes coletoras. Nesta fase, será importante a colaboração da população, pois será necessário a quebra de calçadas e ruas para a colocação das redes”, salienta João Flávio (foto).

A segunda e última etapa, será a de construção da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), que se localizará no bairro Mônaco.

A obra

Hoje Campo Bom possui cerca de 2% de esgoto tratado, o que coloca a cidade entre as últimas colocadas da região metropolitana. Com a obra, a previsão é de tratar até 25% do esgoto. Os bairros que receberão a melhoria são: Santa Lúcia, Jardim do Sol, Cohab Leste e 25 de Julho. O valor da obra é de R$ 7.535.148,56, oriundo do Fundo de Gestão Compartilhada do Município e Corsan. A duração da obra é estimada em 20 meses. A Estação de Tratamento de Esgoto se localizará no bairro Mônaco. Serão 29km de obras que terão início nas ruas Cirino Berghan e Presidente João Goulart. Essa fase de implantação das Redes Coletoras, ramais prediais e redes auxiliares da Bacia 6 do sistema de esgotamento sanitário beneficiará um total de 2.125 economias.

Sportbook sites http://gbetting.co.uk/sport with register bonuses.