Entrar

Quando faltar a uma consulta prejudica outros pacientes

Secretária Suzana Ambros Pereira Divulgação Secretária Suzana Ambros Pereira

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) vem encontrando dificuldades com o grande número de faltas de pacientes às consultas e marcações de exames agendados. O problema mais grave é com as consultas agendadas de mamografia, onde o não comparecimento acaba prejudicando outros pacientes.

Somente em 2017, 306 faltas foram registradas, das 3.811 consultas de mamografias marcadas. O exame é considerado essencial para a saúde da mulher. “Isso é muito grave, pois, é uma negligência com a própria saúde e ainda despende valorosos recursos públicos. Além da paciente faltosa não receber o atendimento, ou precisar ser reagendada, a situação ainda prejudica a oportunidade para outra pessoa que também necessita da consulta”, disse Suzana Ambros Pereira, titular da SMS.

A mamografia é o exame mais importante para a prevenção e detecção precoce do câncer de mama. Conforme dados informados pelo Portal do Instituto Nacional de Câncer (INCA), o câncer de mama é o mais comum entre as mulheres no mundo e mata cerca de 40 mulheres por dia. A mamografia (radiografia da mama) permite a detecção precoce do câncer, ao mostrar lesões em fase inicial, muito pequenas (medindo milímetros). O exame deve ser realizado anualmente a partir dos 40 anos, a partir dos 35 anos em caso de histórico familiar ou ainda segundo recomendação médica.


VEJA ESTA MATÉRIA NA ÍNTEGRA NA EDIÇÃO IMPRESSA DO JORNAL A GAZETA DE 29 DE MARÇO DE 2018. PARA ASSINAR LIGUE (51) 3597-2822 OU ENVIE WHATSAPP PARA 99791-0963.

Sportbook sites http://gbetting.co.uk/sport with register bonuses.