Entrar

Agência de turismo é suspeita de aplicar golpe em Campo Bom

Destaque Agência de turismo é suspeita de aplicar golpe em Campo Bom Angélica Spengler/AG

A agência Sulmix Viagens e Turismo, instalada desde o início deste ano na esquina da rua Presidente Vargas com avenida Independência, é acusada de estelionato. A empresa, que tinha sede em Venâncio Aires até o final de 2018, teria lesado cerca de 30 clientes. Na manhã desta terça-feira, 14, uma das vítimas, a pedagoga Cláudia David, 46 anos, moradora de Sapucaia do Sul, esteve na Delegacia de Polícia Civil de Campo Bom registrando boletim de ocorrência. “Comprei um pacote que incluía passagens e hospedagem para Punta Cana. Mas comecei a suspeitar das atitudes dela (a proprietária), que começou a não responder e-mail e nem atender as ligações”, comentou Claúdia.

Com viagem marcada para a República Dominicana para a próxima sexta-feira, 17, a pedagoga afirma que pagou a viagem à vista no valor de R$ 5.500,00. “Quando notei que ela começou a querer me despistar, desisti da viagem e pedi meu dinheiro de volta. Foi então que recebi da Sul Mix uma Carta de Crédito com prazo para quitação até o dia 1º de junho, mas esse documento não tem validade” adirma Cláudia.

Em sua página no Facebook, a empresa postou uma nota no dia 10 de maio, onde informa o encerramento de suas atividades. A declaração repercutiu e alertou outros clientes da Sulmix que estão com viagens marcadas para destinos nacionais e internacionais. Mas, ao tentarem entrar em contato com a empresa, não tiveram as ligações atendidas, ou se depararam com a loja física fechada.

De acordo com o Delegado Clóvis Nei da Silva, que investiga o caso, "Ainda não há como informar quantas pessoas foram lesadas, o que sabemos até o momento é que a proprietária não está mais em Campo Bom”, comentou o delegado.

Agência procurou o AG

No início da tarde de hoje, 14, a empresária Andréia Colombo, proprietária da Sulmix entrou em contato com o Jornal A Gazeta, informando que seu advogado está cuidando do caso e em breve as pendências serão resolvidas. “Tive que sair de Campo Bom, pois minha filha, menor de idade, estava sofrendo ameaças. Mas todos os clientes que se sentirem lesados, serão devidamente ressarcidos” disse a proprietária da Sulmix, Andréia Colombo.

_________________________

CONFIRA MATÉRIA COMPLETA NA EDIÇÃO IMPRESSA DESTA SEXTA-FEIRA, 17.

Agência de turismo é suspeita de aplicar golpe em Campo Bom - 1.0 out of 5 based on 1 review
Sportbook sites http://gbetting.co.uk/sport with register bonuses.